Qualquer negócio antes de ser aberto necessita de planejamento e metas bem delineadas para que o projeto seja bem sucedido. E com um estúdio de Pilates não é diferente.

Portanto, uma das etapas deste processo é um bom planejamento estratégico, no qual expectativas e interesses do empresário devam ser visualizados com clareza, e os objetivos sejam realistas e concretos.

Analisar riscos também é parte relevante antes de montar seu negócio, pois é necessário estar atualizado no novo negócio, acompanhar o desenvolvimento da modalidade, estabelecer estratégias de marketing, ofertas de preços, horários, localização e diferenciais para se destacar.

Seu planejamento inclui estes itens?

Todo estúdio deve contar com banheiros feminino e masculino para os alunos. Um diferencial importante para o espaço são armários, chuveiros e um vestiário com lugares para pendurar roupas.

Outro fator relevante é manter o local sempre limpo, bem decorado e em harmonia com todo o espaço. Vale a pena investir na contratação de um especialista em arquitetura para academias, respeitando as regras de layout para a sala de Pilates e toda infraestrutura necessária.

Muitas vezes os alunos optam por estúdios com estruturas mais completas para maior conforto e comodidade.

Você sabe o quanto cobrar pelas aulas?

O valor pode ser um diferencial. Ajustá-los conforme o mercado é uma das ferramentas principais para o bom funcionamento do seu estúdio. No setor de Pilates, a mensalidade oscila aproximadamente entre R$ 200 e R$ 400, com sessões semanais de um hora cada. A fidelização do cliente está alinhada à qualidade do serviço e ao custo benefício. Portanto, oferecer descontos, promoções e pagamentos flexíveis são alguns dos diferenciais.

Antes de abrir seu estúdio de Pilates saiba que a melhor maneira é planejar, estudar estratégicas, elaborar um plano de negócios e aí dar continuidade ao seu projeto.

Compartilhar: