O Pilates é uma excelente prática para as pessoas da terceira idade. Além de manter o corpo ativo, a metodologia ajuda a melhorar a qualidade de vida e a diminuir as dores que ficam mais comuns com os passar dos anos.

Apesar de os benefícios físicos serem inúmeros, talvez a grande vantagem do Pilates para a terceira idade seja o ganho da autoestima. Ao notar que consegue realizar as posturas e começar a sentir o prazer em realizar as atividades físicas, a vida do idoso pode mudar para melhor.

A grande maioria das pessoas mais velhas sofrem com problemas de equilíbrio, o que resulta em quedas e fraturas que podem comprometer a saúde. Com o passar dos anos, uma simples distração pode levar a pessoa a uma queda com consequências mortais.

Por isso, os exercícios de concentração e equilíbrio são extremamente benéficos para os alunos dessa faixa etária.

A tendência de encurtamento de músculos e flexão de tronco por fraqueza também costuma ser um problema enfrentado pelo público da terceira idade. Ativar os músculos inferiores e trabalhar no ganho de maior flexibilidade são primordiais para esses alunos.

Não deixe de pensar em posturas que o idoso possa realizar sozinho para que ele se sinta confiante e motivado. E, mesmo sendo um público mais velho, não deixe de dividir as suas aulas entre os níveis de iniciantes, intermediários e avançados.

Compartilhar: